sexta-feira, 31 de outubro de 2008

De novo: nove fogem da cadeia de Manhumirim

Nove homens fugiram da Cadeia de Manhumirim durante a madrugada desta quinta-feira (30). A fuga só foi descoberta por volta de 11:30, quando foi feita a contagem dos detentos.
Segundo informação dos demais presos, a fuga aconteceu às 5 horas da manhã. Três buracos foram feitos para que o grupo fugisse: um da cela 5 para 6, outro entre a 6 e 7 e o último na cela 7 que dá acesso ao lado externo da cadeia, às margens do Rio Jequitibá, que passa nos fundos do prédio.
Fugiram: Clemilson Omério Nogueira, Carlos Roberto Silva (Serrinha), Robson Levino Pereira, Alexandre de Paula, Adair Guilherme de Paula, Flávio Oliveira Paiva, Alfrederson Satler Goulart, Sirlei Marcos de Oliveira e Antônio Balduino de Faria Júnior.
A fuga só foi notada às 11:30 quando os policiais civis Almir Martins Ribeiro e Wadson José Knust Santos, acompanhados do agente Tyago Zape de Araujo, foram fazer a conferência de rotina e a contagem dos presos. Na semana passada (20) um preso escalou um dos muros e fugiu durante o banho de sol. Essa foi só mais uma fuga ocorrida em 2008.
Segundo informações da Polícia Civil a cadeia está superlotada e suas paredes são frágeis, o que facilita as constantes escapulidas dos presos. A delegada Adline Ribeiro disse que uma vez por semana é feita a vistoria em cada cela e diariamente a contagem dos detentos.
A delegada disse ainda que um fiscal do Departamento de Obras Públicas (DEOP), engenheiro Geraldo Furtado, e o engenheiro da Construtora Cinzel S.A. Otávio Augusto estiveram visitando a cadeia para a vistoria e informaram que em dez dias a construtora estaria começando a reforma.
Em agosto deste ano, autoridades estaduais ligadas à Secretaria de Segurança Pública foram ver a situação da cadeia e levantar informações para a reforma. A cadeia de Manhumirim estava com 84 presos e não possui estrutura para tantos detentos.
José Weber - www.portalmanhumirim.com.br

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Vacinação contra Febre Aftosa começa na próxima semana em todo o Estado

Na próxima segunda-feira (3) tem início mais uma etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra Febre Aftosa. Até o dia 30 de novembro devem ser vacinados bovinos e bubalinos com até 24 meses de idade, nos 853 municípios mineiros. A partir deste ano, a vacinação acontece no mesmo período nos Circuitos Pecuário Leste e Centro-Oeste. O calendário foi unificado pelo Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA) a pedido do Conselho Nacional de Secretários de Estado de Agricultura (Conseagri), visando à erradicação da doença no país, até o final de 2010. A mudança no calendário permitirá que as etapas de imunização, em grande parte do Brasil, sejam promovidas na mesma época, o que facilitará o trânsito de animais. Cerca de 360 mil criadores de Minas Gerais devem imunizar seus rebanhos. A fiscalização da ação é de competência do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), órgão responsável pela defesa sanitária agropecuária no Estado. Em toda região o gado deve ser vacinado nesse período de 30 dias. Os danos causados pela Febre Aftosa não se relacionam à saúde pública, mas às grandes perdas econômicas determinadas pelo sacrifício de todo um rebanho, a partir de um único animal considerado infectado na propriedade. O impacto da presença da aftosa compromete a exportação de carnes, que fica imediatamente impedida mesmo em propriedades sem a presença da doença, além da repercussão internacional, cujos reflexos se observam prontamente na redução de valores do produto nacional, como ocorreram nos surtos já sofridos pelo Brasil. Além da prevenção da doença, a vacinação ainda garante aos criadores registros que permitem o transporte dos animais. Para se retirar a guia para transportar o gado é ncessário comprovar a vacinação, principalmente contra a Febre Aftosa. Mais informações: Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) Telefone: (31) 3235-3504 Willian Chaves com informações da Agência Minas

Mais um: ladrões roubam 37 mil do Sicoob

Dois homens roubaram 37 mil reais do Sicoob em Luisburgo. Os assaltantes chegaram ao banco por volta de meio dia desta quarta-feira e renderam os funcionários Geraldo Rhodes, 28; Débora Raquel de Souza, 21; e Dalila Garcia de Souza, 20. Os dois ladrões com roupas de motoqueiros fugiram com uma moto sem placa e não foram localizados.
Segundo a ocorrência, um indivíduo moreno escuro, aproximadamente 1,70 metro de altura, usando um capacete de motociclista na cabeça, cuja viseira estava levantada, com um pedaço de fita isolante de cor preta por cima e outro por baixo dos olhos, trajando calça jeans e blusa de corvin cor preta, que sacou um revólver cal .38 e apontou-o em direção a Geraldo Rhodes anunciando o assalto dizendo para que lhe entregasse todo o dinheiro. O bancário foi até os caixas, pegou todo o dinheiro e entregou ao ladrão que, não satisfeito, exigiu mais dinheiro dizendo que sabia que ali havia mais.
Geraldo Rhodes então se dirigiu até o cofre da agência enquanto o assaltante permaneceu com as funcionárias nos caixas. Ele aproveitou este momento para esconder atrás do cofre a quantia de R$ 10.000.00, porém, logo em seguida, o ladrão apareceu e pegou parte do dinheiro que não deu tempo de esconder. O segundo assaltante, que se encontrava na porta da agência, do lado de fora, entrou e ficou vigiando as funcionárias.
Os ladrões pegaram todo o dinheiro, colocaram as vítimas deitadas do lado de dentro do balcão de atendimento e fugiram em seguida sentido Córrego da Gameleira ou Córrego dos Hott com a quantia de R$ 37.000,00 utilizando para a fuga um veículo motocicleta de cor preta. O segundo bandido também portava uma arma calibre 38.
Em rastreamento, a polícia tomou conhecimento que os indivíduos trajavam blusa de corvim cor preta e o veículo utilizado seria uma motocicleta Honda/CG 150, cor preta, sem placa, no entanto, evadiram sentido ao Córrego Fortaleza, passando pelo Córrego São Pedro, município de Divino/MG com acesso à Rodovia BR 116, próximo ao município de Orizânia/MG.
Carlos Henrique Cruz

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Mário Assad Jr integra equipe de transição de Márcio Lacerda

O prefeito eleito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda (PSB), deu início ao processo de transição de governo, indicando os nomes de uma comissão encarregada da coordenação do trabalho. A comissão, sob o comando de Lacerda, será formada por representantes das principais legendas que participaram formal ou informalmente da ampla coligação em torno da candidatura do socialista. O ex-deputado federal Mário Assad Júnior (foto), secretário de Assuntos Institucionais da PBH, vai integrar o grupo, já que foi um dos coordenadores da campanha, responsável principalmente pela articulação políticas com os vereadores da capital.
Entre os representantes, dois secretários do atual prefeito, Fernando Pimentel (PT). Integram também a comissão o secretário-geral do PSDB, deputado federal Rodrigo de Castro, e o presidente do PPS em Minas, Juarez Amorim. Devido ao veto da Executiva Nacional petista, as duas legendas foram obrigadas a apoiar informalmente a candidatura de Lacerda.
O PT estará representado no vice-prefeito eleito, Roberto Carvalho, e no secretário municipal de Políticas Sociais, Jorge Nahas, que coordenou o programa de governo de Lacerda. A equipe é composta ainda pelo secretário municipal de Assuntos Institucionais, Mário Assad Júnior, do PSB, e por Beatriz Góes - secretária-executiva do programa de governo do socialista.
De acordo com alguns jornais de Belo Horizonte, Assad é um dos principais articuladores da campanha de Márcio Lacerda. Seu bom relacionamento com Fernando Pimentel (PT), atual prefeito, e com o governador Aécio Neves o credencia ainda mais para assumir a nova responsabilidade. Durante a campanha, Assad se afastou do comando da Secretaria de Assuntos Institucionais da PBH. Ele retornou ao posto nesta terça-feira, 28.
O nome de Mário Assad Jr está mais vivo do que nunca na política mineira. São grandes as chances do ex-deputado ocupar cargos importantes na administração de Lacerda e de ser um dos principais articuladores para a candidatura de Fernando Pimentel ao governo do Estado e de Aécio Neves à Presidência da República, já que conhece bem os caminhos de Brasília.
MÁRIO ASSAD JR.
Filiado ao PSB. Participou da coordenação da campanha de Márcio Lacerda. Formado em direito pela PUC Minas, iniciou sua carreira política como chefe-de-gabinete da Secretaria da Justiça, no governo de Hélio Garcia. Depois assumiu a Diretoria de Recursos Humanos da Telemig. Deputado federal por Minas em três legislaturas (1995-1999, 1999-2003, 2003-2007), foi presidente da Comissão de Transporte e foi vice-líder do PSB na Câmara dos Deputados. Atualmente, é secretário de Assuntos Institucionais de Belo Horizonte e primeiro suplente de deputado federal do PSB. Além disso, foi presidente do Diretório Municipal do PSB.
Willian Chaves com informações do Hoje Em Dia e O Tempo

"Vote" para Presidente dos Estados Unidos

Um site criado por americanos permite que internautas de todo mundo escolha em quem votaria para Presidente do Estados Unidos. A sucessão do Presidente George W. Bush representa uma importância para todo o planeta. Os Estados Unidos da América é considerado um dos países mais importantes e influentes de todo mundo e por isso desperta interesse de cidadão de cada canto do planeta sobre suas eleições que já perduram por vários meses. Para quem quiser manifestar o seu, basta acessar www.theworldfor.com e seguir as instruções. O site mostra em tempo real as manifestações de votos em todos os países. Os internautas podem registrar seu voto virtual no candidato democrata Barack Obama ou no republicano John McCain. Os autores do projeto «The world for» (http://www.theworldfor.com/) não têm a pretensão de que o resultado da eleição organizada por eles seja um prenúncio do que as urnas vão dizer no dia 4 de novembro, mas esperam que a opinião mundial possa ter alguma influência sobre a política americana. Curiosidade O Brasil largou na frente: uma semana depois do lançamento do site, os brasileiros correspondem a mais de 30% dos "eleitores virtuais", superando os próprios americanos, que representam menos de 20%. Um dos criadores do site, o artista gráfico Seth Carnes, de 33 anos, diz que teve a idéia ao perceber o quanto os canais de televisão estavam investindo na interatividade com os telespectadores. Decidiu então usar a internet para dar voz a outras pessoas. Além de Brasil e EUA, a lista dos países onde mais internautas votaram inclui também Hungria, Bélgica e França. Willian Chaves

Dois mortos e seis feridos em acidente na BR-116 próximo à Dom Corrêa

Duas pessoas morreram e outras seis ficaram feridas num grave acidente no final da tarde de ontem no km 564 da BR-116, no distrito de Dom Corrêa, em Manhuaçu. A Polícia Rodoviária Federal registrou a colisão envolvendo o ônibus da Viação RioDoce que fazia a linha Governador Valadares a Manhuaçu e a van CKH 9889 de São Paulo/SP.
Segundo informações da PRF, o ônibus invadiu a contramão e bateu na lateral da van, que tombou na pista. O veículo da RioDoce saiu da pista e parou encostado em algumas árvores às margens da rodovia.
O ônibus da viação Rio Doce, placa GPN-8122-Caratinga, era conduzido pelo motorista Reisinon Marques Teles, 40 anos. Ele e os passageiros nada sofreram. A van é uma Kia , placa CKH-9889-São Paulo, conduzida por José Edimário Ramos da Silva, 50 anos com mais nove passageiros.
Os Bombeiros foram até o local. A garotinha de quatro meses Eichyla Rodrigues de Melo e a passageira Lucilene Silva Mendonça morreram presas às ferragens. A mãe da criança, Mônica Rodrigues de Melo, foi socorrida em estado de choque com traumatismo craniano grave, trauma de face, tórax, e escoriações por todo o corpo. Ela está internada na UTI do Hospital César Leite.
Ainda foram socorridos Maria Lúcia Pereira da Silva, o motorista José Edimário, os passageiros Quitéria Rodrigues de Melo, Lucas Rodrigues Ramos Filho, Enaelton Fereira de Melo e uma criança de cerca de dois anos.
O grupo seguia na van de Guarulhos (SP) para um congresso evangélico.
Jailton Pereira - Portal Caparaó

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Acidente deixa três pessoas feridas próximo a São Pedro do Avaí

Três pessoas ficaram feridas em um acidente no km 580 da BR-116. O Fiat 147 de Manhuaçu saiu da pista na famosa curva de São Pedro do Avaí, na zona rural de Manhuaçu.

O motorista Jairo Marciano Ferreira contou que saíram de Manhuaçu e iam para Caratinga quando perdeu o controle da direção e saiu da pista. O carro caiu numa ribanceira do lado esquerdo.

A Polícia Rodoviária Federal atendeu a ocorrência envolvendo o Fiat 147 GOJ – 3949 – Simonésia, enquanto o corpo de Bombeiros socorreu os três ocupantes do carro.

acidecurvasp_6Jairo Marciano Ferreira, 58 anos, teve apenas escoriações, enquanto os dois passageiros: Marcos Aurélio Demetrios da Silva, 34 anos, trauma de torax e escoriações; e Aguinaldo Camilo dos Santos, 28 anos, suspeita de fratura na clavicula, bacia, perfuração nas costas e escoriações. Todos moram no bairro Petrina, em Manhuaçu.

Jailton Pereira

Incêndio destrói residência em Vila Nova

Incêndio na tarde desse domingo, na Rua Aloízio Bicalho de Morais, no Distrito de Vila Nova, em Manhuaçu, destruiu diversos objetos de uma residência. Nenhuma das pessoas responsáveis pela casa ficaram feridas. De acordo com o morador da residência, deixou uma panela de pressão ligada, saiu de casa e ao retornar, o fogo já tinha se alastrado pela casa.As chamas queimaram o fogão, as telhas e danificaram a rede elétrica da casa.
O Corpo de Bombeiros foi até o local, mas ao chegar, os vizinhos já tinham se mobilizado e apagaram o incêndio. Os bombeiros fizeram a vistoria e passaram as orientações necessárias.
Geilson D´ângelo/com informações do Corpo de Bombeiros

Estudante morre afogada em Abre Campo

A estudante Bruna Helena Ferreira, 10 anos, morreu afogada na tarde desse sábado, no Rio Santana, em Abre Campo. A criança estava no rio com a tia e foi levada pelas águas após descuido. O corpo foi encontrado por populares, alguns minutos depois e liberado pela polícia para sepultamento.
Geilson D´ângelo/com informações da PM

domingo, 26 de outubro de 2008

Prefeita reeleita em Jequeri terá que se explicar para a Justiça

Em 23/10 foi protocolada no Cartório Eleitoral da Comarca de Jequeri representação contra a Prefeita reeleita, Maria das Dores Souza Vilas Boa, PMDB, por possíveis crimes eleitorais praticadas pela candidata e pessoas ligadas ao seu grupo político na campanha eleitoral 2008.

A representação que solicita liminar, para investigações das provas apresentada, foi proposta por Luis Antonio Resende Soares, PMN, que também concorreu no pleito como candidato a prefeito, ele foi representado no ato por seus advogados do Escritório Fialho & Mello da cidade de Ponte Nova.

Segundo informações, diversas provas foram anexadas à representação, como foto copia de notas de gasolina, notas de serviços feitas em nome da prefeitura por empresas de Ponte Nova, que prestaram serviços em veículos de prováveis eleitores da prefeita.

Maria das Dores foi reeleita na cidade de Jequeri, com 3.665 votos, dos 7.418 votos válidos, ficando em segundo lugar Luiz Antônio com 3.265 votos, dando uma diferença de apenas 400 votos.

Espera-se agora a decisão judicial que concederá a liminar ou não que poderá sair nas próximas horas.

sábado, 25 de outubro de 2008

Acidente mata uma pessoa na BR-262 próximo a Abre Campo

Geraldo Zaniratti, 56 anos, morreu num grave acidente com uma carreta carregada de óleo de soja no km 104 da BR-262, próximo a Abre Campo, no início da tarde deste sábado. O motorista Moizes Antônio da Silva, 52, teve ferimentos leves.
O Corpo de Bombeiros e a Polícia Rodoviária Federal foram chamados por causa do acidente. A Scania R 420 placa GYI 3620/Espera Feliz, da empresa Jacaré Distribuidora de Alimentos, seguia com destino a Espera Feliz carregada com óleo de soja.
O motorista Moizes Antônio perdeu o controle da carreta numa curva acentuada à esquerda, saiu da pista e capotou. Ele foi socorrido por populares para o Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Rio Casca, com ferimentos leves.
Já o passageiro Geraldo Zaniratti morreu na hora. Ele ficou preso nas ferragens na cabine. Os Bombeiros precisaram utilizar o equipamento desencarcerador para cortar e expandir o metal.
O corpo foi liberado para uma empresa funerária que estava no local.
Jailton Pereira

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Morre assaltante baleado no Sicoob de São João

Morreu ontem, depois de quatro dias internado no Hospital César Leite, Gênesis Francisco Corrêa, 33 anos. Ele era um dos três bandidos presos pela Polícia Militar de São João do Manhuaçu por volta de 4:30 da madrugada de domingo. Eles arrombaram a agência do Sicoob na cidade e se preparavam para abrir o cofre do banco quando foram surpreendidos por dois militares. Na troca de tiros, um dos assaltantes foi baleado.
A polícia confirmou que ele também usava documento falso. No momento em que foi preso ele foi identificado como Sérgio Corrêa.
Com as investigações em andamento, o delegado Getúlio Lacerda explica que a maior dificuldade da Polícia Civil tem sido identificar os três homens presos. No domingo, à noite, os agentes já apuraram que Cleiton Aristeu Ramos era um nome falso. O documento foi apresentado por Alexsandro Luiz Ramos no momento da prisão. O delegado confirmou que ele e Gênesis participaram do furto ao Sicoob de Santa Margarida e eram foragidos da cadeia de Carangola, onde cumpriam pena por furto ao Sicoob de Espera Feliz.
O delegado ainda adiantou que apura pelo menos outros dez casos semelhantes em que possa ter havido a participação do grupo. “Eles negam qualquer outro crime. Somente os que já têm prisão é que admitiram que participaram”, conta o Getúlio. Elias Deodato da Silva, 33 anos, aparentemente é o único que tinha documentos verdadeiros.
A Polícia Civil acredita que o grupo integre uma quadrilha especializada nesse tipo de arrombamento. “Não existe lógica alguma no fato deles saírem de Joinville (SC), percorrerem 1.280 km para arrombarem um banco justamente em São João do Manhuaçu. Estamos apurando que o grupo tenha ramificações no Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo”.
Carlos Henrique Cruz - Com informações de Okon

Mais um vereador perde o mandato em Santana do Manhuaçu

O vereador Edmar Gonçalves da Silva, de Santana do Manhuaçu, também acaba de ser cassado por infidelidade partidária. Ele e mais nove tiveram os processos julgados pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG). Agora são 232 vereadores mineiros cassados que mudaram de partido fora do prazo permitido pela lei.
O caso de Edmar Gonçalves da Silva é simples: ele deixou o PTC e se filiou ao PHS. O partido requereu a vaga. O vereador é o segundo da Câmara de Santana do Manhuaçu que foi cassado por infidelidade partidária. Em agosto, Francisco de Paulo Freitas, o Paulinho Chicó, perdeu o mandato por ter trocado o PTB pelo PSDB. No início desse mês, Paulinho Chicó conseguiu se reeleger com 372 votos, enquanto Edmar somou apenas 172 votos e ficou de fora da próxima Câmara.
Segundo a assessoria de imprensa, as câmaras municipais serão comunicadas imediatamente após a publicação do acórdão para dar posse aos suplentes, conforme a Resolução 22.610, de 25 de outubro de 2007, do TSE.
Assessoria de Imprensa - TRE-MG

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Caputira tem novo comandante

O Comando da Polícía Militar de Caputira agora tem novo comandante. O Comandante do 4ºPelotão da PM em Matipó, responsável também pelos municípios de Caputira e Santa Margarida, Tenente Fernando de Souza Nóia, anunciou na tarde desta quinta-feira, 23, a troca de sargentos do destacamento da cidade. O atual comandante, Sargento Júlio Alves passará para o comando do destacamento de Alto Caparaó. Em seu lugar, assume o Sargento Walter, vindo do 11º Batalhão de Manhuaçu. Em emtrevista à Rádio Alerta FM, realizada nesta quinta-feira, 23, o Tenente Fernando destacou o trabalho que vinha sendo realizado em Caputira e apresentou o novo sargento à comunidade. "Nessa hora ficamos tristes por um lado, com a saída de um grande amigo que é o Sargento Júlio, que desempenhou um brilhante papel à frente do destacamento de Caputira e, felizes pela chegada do Sargento Walter que é um excelente profissional, dedicado e muito elogiado pelo seu trabalho no batalhão. Tenho certeza que irá dar continuidade ao trabalho em Caputira e desempenhar uma ótima tarefa administrativa", destaca Fernando. Já o Sargento Júlio Alves destacou o importante apoio que recebeu da comunidade caputirense. "Quero agradecer de coração a toda comunidade, que sempre participou e respeitou o trabalho da Polícia Militar. Em especial à Rádio Alerta FM 87,9, que sempre foi uma parceira e também ao grande amigo Prefeito Jairinho que também sempre coloborou com o nosso trabalho. Ao assumir o destacamento de Alto Caparaó, aproveito para a deixá-lo à disposição da comuninade caputirense", afirmou Alves.
O novo comandante de Caputira, Sargento Walter, disse estar feliz por poder desempenhar um novo trabalho. "Vamos assumir o destacamento de Caputira com intuito de continuar as atividades realizadas com a comunidade como prevenção e atendimentos comunitários. Fico feliz por ter a oportunidade de trabalhar nessa cidade", relata Walter. A mudança faz parte de uma rotina da PM, ou seja, um remanejamento de tempo em tempo dos comandantes locais. Willian Chaves

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

ÚLTIMA NOTÍCIA: Refém é libertado após oito horas de seqüestro e bandido é preso em Muriaé

Após oito horas de cárcere, o ex-detento da cadeia de Muriaé, Luciano de Paula Carneiro, "Fiziquinha", libertou a última pessoa mantida refém e se entregrou à polícia. O fim do seqüestro só aconteceu após a chegada do advogado de "Fiziquinha", que só aconteceu perto das 18 horas. O bandido temia pela sua vida e exigiu a presença do advogado. Após a libertação do refém, Luciano foi levado para a Delegacia da cidade, onde prestou depoimento e deverá ser autuado em flagrante por cárcere privado, porte ilegal de armas e outros crimes.

Segundo a PM, "Fiziquinha" teria sido libertado da cadeia de Muriaé, onde cumpriu de pena de quatro anos por roubo de cargas, há três meses. Mas, o aumento de casos semelhantes na região, deu início a uma nova investigação. Na manhã desta quarta-feira, 22, "Fiziquinha" teria percebido umaa ação da PM, num cerco policial e tentou fugir. Como não foi muito adiante, por ter perdido o controle do veículo e batido num paiol, o bandido invadiu uma fábrica de empacotamento de feijão, no bairro Santana, tomando dois funcionários como reféns. Outros 12, estariam dentro da fábrica, mas ao perceberem a ação do bandido, se esconderam e foram resgatados pela polícia.

Luciano ainda teria tentado fugir com os dois reféns em um caminhão. No entanto, a distribuidora já havia sido cercada pela polícia.
Um dos reféns chegou a ser baleado de raspão, após uma troca de tiros entre a PM e "Fiziquinha", que estava armado com uma submetralhadora. Por volta das três da tarde, o refém ferido foi libertado.
O sequestrador e o último refém libertado não tiveram ferimentos.
De acordo com a PM, Luciano de Paula Carneiro teria envolvimento com uma quadrilha especializada em roubo de cargas em todo o país.
Os nomes dos funcionários mantidos reféns não foram divulgados.
Willian Chaves com informações do Portal Click, Portal Uai e RedeAtividade
Foto: Gazeta de Muriaé

URGENTE: Homem sequestra trabalhadores de uma fábrica em Muriaé desde a manhã de hoje

Um homem mantém uma pessoa refém dentro de um a fábrica de empacotamento de feijão, no bairro Santana em Muriaé. De acordo com o Batalhão de Rondas Táticas da Polícia Militar (Rotam), o suspeito é ex-presidiário e vinha sendo investigado pela polícia por supeita de envolvimento em novos crimes na região. Luciano de Paula Carneiro, conhecido como "Fiziquinha", 28 anos, foi visto pela PM em uma caminhonete Montana preta e ao perceber que a PM iniciou uma perseguição ele fugiu, perdendo o controle do carro após bater em paiol. Logo em seguida ele invadiu a fábrica e tomou dois funcionários como reféns. Um já foi libertado. O outro continua sobre a mira do sequestrador que está portando uma submetralhadora. A esposa do seqüestrador, que também estava no veículo, foi presa.
As duas vítimas estavam sob poder do seqüestrador desde às 11h e, por volta das 15h10, um dos homens foi liberado depois de negociações feitas com a PM, Polícia Civil e um advogado, que está no local a pedido do autor.
De acordo com informações do repórter Silvan Alves, do Portal Click de Muriaé (parceiro do blog), o seqüestrador teria em seu poder uma submetralhadora e havia disparado vários tiros. As negociações prosseguem entre homens do GATE (Gurpo de Operações Táticas e Especiais) da Polícia Militar de Juiz de Fora e o seqüestrador. Ainda de acordo com Alves, o seqüestrador tentou fugir em caminhão, onde levava junto consigo as vítimas, quebrando uma parede e amassando o automóvel, mas sem sucesso.
Antecedentes Segundo o tenente Sandro, que está no local, o homem ficou preso por, aproximadamente, quatro anos na Cadeia Pública e na Penitenciária da cidade, e foi solto há cerca de três meses. Entretanto, depois de ganhar a liberdade, a polícia percebeu que o índice de criminalidade subiu no município, desde então, investigações sobre o suspeito são feitas com o intuito de prendê-lo novamente.
Ainda conforme a polícia, antes de ser preso ele participava de uma quadrilha especializada em roubo a caminhões de carga e bancos vinda do Espírito Santo. E, de acordo com o tenente, esses foram os crimes que mais cresceram nos últimos meses. Willian Chaves com informações do Portal Click e do Portal O Tempo

Hemominas faz coleta de sangue e médula em Manhumirim

A Unidade Regional da Fundação Hemominas/Manhuaçu, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, realizou no último dia 18, sábado, a primeira coleta de sangue e amostras de potenciais doadores de medula óssea em Manhumirim.
A coleta aconteceu durante toda a manhã na escola municipal Alfredo Breder, com a presença de Médicos, Enfermeiros e Técnicos de Enfermagem do Hemominas. Ao todo foram feitas 48 doações de sangue e 49 de amostras de potenciais doadores de medula óssea. Os interessados doar ou saber mais informações a respeito do assunto podem procurar ou ligar para o Hemominas de Manhuaçu: Rua Frederico Dolabela, 289, Centro. Telefone: (33) 3331-1021.
Leila Furtado

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Corpo de Taxista de Martins Soares é encontrado em rio de Carangola

Foi confirmado que o corpo encontrado num rio, na saída de Carangola para Caiana, é do taxista Celso Dias Rodrigues, 22 anos, que estava desaparecido desde a madrugada de sábado para domingo. Conhecido como Celsinho do Táxi, ele e uns amigos participavam de uma festa naquela cidade no final de semana quando desapareceu. O corpo foi encontrado preso a algumas pedras.
Celso desapareceu no sábado, dia 18 de outubro, no Parque de Exposições de Carangola, por volta de meia noite. Ele estava em companhia dos colegas e, de repente se afastou do grupo. A partir desse horário, não foi mais visto.
Celsinho estava de camiseta de malha preta, calça jeans escura, tênis branco e boné preto. Ele tinha ido a Carangola de carona no carro de um amigo. Eles procuraram pelo rapaz até o dia amanhecer, quando voltaram a Martins Soares sem notícias dele.
Desde domingo, vários familiares e amigos começaram verdadeiras peregrinações por Carangola e região. A polícia vasculhou as imediações do Parque de Exposições, mas também não teve sucesso.
Na manhã de hoje, surgiram algumas informações. Por volta de meio-dia, um corpo foi encontrado preso a algumas pedras no leito do rio na saída de Carangola para Caiana. Amigos se deslocaram para a cidade e fizeram a confirmação, apesar do avançado estado de decomposição. Ainda não existem detalhes das circunstâncias da morte. A perícia de Muriaé foi acionada para o local.
Carlos Henrique Cruz

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Lavrador estupra mulher com deficiência mental em Manhumirim

O lavrador Edimar Antônio Balduíno, 24 anos, foi preso na tarde deste sábado no bairro Nossa Senhora da Penha, em Manhumirim. Ele é acusado de estuprar uma mulher de 29 anos, que tem deficiência mental.
A polícia recebeu a informação de Edimar levou a mulher até seu barraco, mantendo relações sexuais com a mesma. A doméstica de 29 anos é portadora de deficiência mental e faz tratamento no Centro de Atenção Psicossocial da cidade (CAPS).
Edmar afirmou aos policiais que realmente fez sexo com a mulher e disse que pagou vinte reais para que ela fosse com ele para o barraco.
Ela foi encaminhada ao pronto socorro e foi confirmada, pelo médico de plantão, a violência sexual. O rapaz foi preso e levado para a delegacia.
Portal Manhumirim

Acidente com carreta deixa motorista preso às ferragens

A equipe de resgate do Corpo de Bombeiros socorreu, no início de sexta-feira, mais uma vítima de trânsito. O acidente aconteceu por volta das 18h00, na Br-116, Km 670,08, próximo ao povoado de Vila de Fátima.
De acordo com informações, o motorista Daniel Orlando Altoer, 62 anos, conduzia a carreta Mercedes Bens, placa MTH 5495, Cachoeiro do Itapemirim/ES, pertencente à empresa Alto Mármore e Granito, quando ao fazer uma curva, perdeu o controle da direção e caiu numa ribanceira de 30 metros.
O motorista ficou preso às ferragens e só foi resgatado com a chegada dos Bombeiros.Daniel foi encaminhado para o Pronto Atendimento Municipal de Manhuaçu, consciente.Segundo os bombeiros, o motorista apresentava suspeita de fratura no tórax, cortes nos braços e pernas.
Diário de Manhuaçu

Assaltantes de banco trocam tiros com policiais em São João do Manhuaçu

Três bandidos foram presos pela Polícia Militar de São João do Manhuaçu por volta de 4:30 da madrugada deste domingo. Eles arrombaram a agência do Sicoob na cidade e se preparavam para abrir o cofre do banco quando foram surpreendidos por dois militares. Na troca de tiros, um dos assaltantes foi baleado. A polícia confirmou que um deles, Alexsandro Luiz Ramos (foto abaixo), apresentou documentos falsos, participou do furto ao Sicoob de Santa Margarida e era foragido da cadeia de Carangola, onde cumpria pena por furto ao Sicoob de Espera Feliz.

A madrugada calma da cidade de São João do Manhuaçu foi interrompida com o disparo do alarme do Sicoob por volta de 4:30 deste domingo. Quatro homens armados arrombaram as duas portas em vidro blindex da agência. No interior do banco, os sensores de movimento dispararam os alarmes sonoros e alertaram a central de segurança em Manhuaçu. Os bandidos quebraram o teclado do alarme, arrancaram sirenes e sensores. O barulho cessou, mas a empresa que monitora a agência comunicou a polícia e o tesoureiro do banco.

CERCO
O Sargento Martinho e o Soldado James, já tinham terminado o turno de serviço, estavam em suas casas, que ficam próximas ao banco, quando o tesoureiro ligou com a informação de que havia gente na agência.
Ao se aproximarem do banco, os dois policiais ouviram o barulho de uma marreta e algo sendo quebrado. “Posicionamo-nos na entrada do banco, enquanto a viatura com os policiais de serviço não chegava. Foi aí que vimos os dois bandidos no interior da agência”, explica Sargento Martinho.
O policial conta que alguns segundos depois, um terceiro elemento chegou até a porta de entrada. Ele colocou o rosto para fora para ver o movimento. Levantou uma barra de ferro e saiu correndo para dentro do banco gritando com os outros: “Sujou! Sujou!”.
Os momentos mais tensos da abordagem começaram. Mesmo sabendo que o plano deu errado, os bandidos atiraram em direção aos policiais. Os militares revidaram. Um dos ladrões, Sérgio Correa, 33 anos, foi baleado. Os assaltantes foram para os fundos do banco. Chegaram até a cozinha e tentaram pular um basculante. Encurralados, três deles se entregaram. Além de Sergio, os dois policiais prenderam Elias Deodato da Silva, 33, e Alexsandro Luiz Ramos (que apresentou documentos como Cleiton Aristeu Ramos), 28. O quarto bandido ficou escondido atrás do guichê de atendimento e fugiu enquanto os militares abordavam os outros três.
CARRO
O sargento explica que os bandidos não chegaram a arrombar o cofre do banco. Além de armas e ferramentas, os militares encontraram um Siena MBG 0197/Joinville(SC). O carro pronto para fuga estava estacionado a uns 100 metros do banco.
Em meio aos documentos, os militares encontraram dados sobre outras agências da região de Carangola, Divino e São Francisco do Glória.
Sergio Correa foi socorrido para o pronto atendimento de Manhuaçu e transferido para o Hospital César Leite. A polícia confirmou na noite de ontem que Cleiton Aristeu Ramos é um nome falso. O documento foi montado por Alexsandro Luiz Ramos. O rapaz tem ficha na polícia: ele fugiu da cadeia de Carangola, onde cumpria pena por ter arrombado o Sicoob de Espera Feliz, há alguns meses.
Nos últimos vinte dias, foram registrados arrombamentos em agências do Sicoob em Realeza e em Santa Margarida. A polícia Civil confirmou que Alexsandro é um dos bandidos que roubou no Sicoob de Santa Margarida. Ele aparece nas imagens do circuito de segurança do banco, no dia 25 de setembro. A polícia agora trabalha na identificação dos outros dois. O documento de Sérgio Correa aparenta ser falso e, na base de dados do Infoseg, aparece a foto de outra pessoa.
Carlos Henrique Cruz

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Raul Soares e Manhuaçu disputam o melhor café do Brasil

A Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA, sigla em inglês) divulgou a relação das 104 amostras que, entre as 273 inscritas, foram pré-selecionadas e irão para a etapa do Júri Nacional do 9º Concurso de Qualidade Cafés do Brasil. Entre os aprovados estão dois produtores de Araponga, dois de Dom Viçoso, uma de Manhuaçu e outro de Martins Soares.
A nota de corte foi de 84 pontos, em uma escala de zero a 100. Do total aprovado, 74 amostras são de Minas Gerais; 14, de São Paulo; 9, da Bahia, e 7 do Espírito Santo. A relação dos produtores que tiveram seus lotes pré-selecionados está na página da internet da entidade ( www.bsca.com.br ). Até o próximo dia 29 de outubro todos deverão depositar seus lotes em um dos armazéns credenciados.
A etapa do Júri Nacional está marcada para a semana de 3 a 7 de novembro, com a divulgação das amostras semifinalistas no dia seguinte (8). Os lotes aprovados pelo Júri Nacional passarão em seguida pelo crivo do Júri Internacional, que será integrado por no mínimo 10 especialistas indicados pela Alliance for Coffee Excellence (ACE). A avaliação das amostras será na semana de 10 a 14 de novembro. O resultado final será divulgado no dia 14, em cerimônia que será realizada em São Lourenço (MG). Os lotes vencedores serão vendidos no Cup of Excellence, marcado para 13 de janeiro de 2009.
As amostras de Ângela Maria de Paula Lage (Fazenda do Retiro em Manhuaçu); Carlos Sérgio Sanglard (Fazenda Serra do Boné em Araponga); Édio Anacleto Miranda (Sitio da Matinha em Araponga); Olavo Alves Nogueira (Fazenda Vista Alegre em Raul Soares); Mariana de Carvalho Junqueira (Rancho São Benedito em Dom Viçoso) e Márcio Heleno de Carvalho Junqueira (Sitio Bela Vista em Dom Viçoso) foram aprovadas para a próxima etapa.
A região de Manhuaçu é conhecida nacionalmente pela produção de grãos de qualidade. Recentemente a cidade foi homenageada com um estátua, de aproximadamente de 2,5 metros, pela título de possuir um dos melhores cafés do país. Cidades como Santa Margarida, São João do Manhuaçu e Matipó contribuem para a elevação da qualidade do café em toda região, uma vez que a produção cafeeira é o principal cultivo dessas cidades.
Willian Chaves com informações do Portal Caparaó

Hemominas fará coleta de sangue e medula em Manhumirim

A Secretaria de Saúde de Manhumirim, em parceria com a Fundação Hemominas, vai promover pela primeira vez na cidade, uma coleta externa de sangue e medula óssea, no dia 18, sábado. O evento acontece das 8:00 às 12:00h, na Escola Municipal Alfredo Breder.
Critérios para cadastro de medula
A Fundação Hemominas é a instituição pública responsável pelo cadastramento dos candidatos à doação de medula óssea em Minas Gerais. Para ser um candidato a doador, é necessário ter boa saúde e idade entre 18 e 55 anos. No cadastramento, a pessoa recebe informações sobre o processo de doação, preenche alguns documentos e colhe uma pequena amostra de sangue para realização do exame HLA que traçará suas características genéticas.
Critérios para doação de sangue
Para ser um candidato à doação na coleta, a pessoa deve ter e estar com boa saúde, idade entre 18 e 65 anos, pesar mais de 50 quilos, não ter tido hepatite após os 10 anos de idade, não ter doença de Chagas, não ter sido exposto a situações de risco para doenças sexualmente transmissíveis, não estar em jejum, não fazer exercícios físicos antes da doação, não estar sob uso de medicamentos ou drogas, ter dormido pelo menos seis horas na noite anterior e não ter ingerido bebidas alcoólicas nas ultimas vinte quatro horas. O candidato também deve apresentar um documento oficial de identidade, com foto e dentro do prazo de validade. Caso tenha se vacinado contra a rubéola, deverá esperar um mês para efetuar a doação.
Ordem Demolay apóia essa iniciativa
A Ordem Demolay de Manhumirim está apoiando essa iniciativa. Além da divulgação, a ordem tem feito o cadastramento dos doadores. Para participar é necessário apresentar o documento de identidade e preencher uma ficha disponível com a turma do DeMolay (Maçonaria) ou na Policlínica Municipal.
Doar sangue é mais que um ato de solidariedade: é um ato de amor. Doe sangue, doe vida!
Mais informações pelo telefone: (33) 3341-2180 ou 1010 (falar com Vanda Lúcia).
Leila Furtado - Prefeitura de Manhumirim

Prefeito reeleito em Mantimento fala dos projetos para a cidade

Reeleito com mais de 70% dos votos válidos, o Prefeito de São José do Mantimento, Hélio Márcio Gomes, realizou uma carreata e festa em praça pública com show de Beto Kauê para comemorar a vitória do último dia cinco de outubro. A festa foi em agradecimento aos eleitores que deram ao atual prefeito mais quatro anos de mandato.
“Foi uma grande festa. São José do Mantimento está feliz. Eu tinha que agradecer o reconhecimento e o privilégio de nos darem mais quatro anos para governar essa cidade”, comentou Helinho. O prefeito tem motivos de sobra para festejar. Além da alta aprovação de seu governo, ele saiu fortalecido do pleito do início do mês. Considerando as proporções, foi a maior vitória nas urnas da região.
Para ele, o povo quer a continuidade das obras de sua gestão e a melhor forma de retribuir será trabalhando com empenho maior ainda nos próximos quatro anos.
“Vai ser um mandato de grandes avanços. Grandes eventos, mais investimentos em estradas, escola e no nosso parque de exposição”, destacou o prefeito que adquiriu a área, mas sonha em ter a estrutura de palco, arquibancadas e barracas. Atualmente tudo é locado para as festas.
Helinho garantiu que a cidade vai continuar promovendo grandes shows e investir em mais melhorias. “As condições hoje são muito melhores do que herdamos em 2005. Pegamos uma prefeitura cheia de dívidas e problemas estruturais, agora o quadro é muito melhor”, afirmou.
Ele também ressaltou a parceria com deputados para viabilizar obras maiores e o apoio do vereador Cleber Sabino – presidente da Câmara – e que foi eleito vice-prefeito em sua chapa.
Em relação à Câmara, Helinho chamou todos para trabalharem pelo município. Na realidade, a composição da Câmara com seis vereadores da base do governo também vai facilitar as ações da administração.
Antônio José

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Realizado em Muriaé o primeiro transplante de órgãos da região

Um fato inédito para a Saúde de Muriaé ocorreu na noite de quinta-feira (9), quando foi realizado o primeiro procedimento de doação de órgãos na cidade. A retirada dos órgãos para doação foi realizada no Hospital São Paulo, por uma equipe do MG Transplantes de Juiz de Fora.
Os órgãos foram doados pela família de um trabalhador rural, de 58 anos, morador na região da Fazenda Veigas, no distrito de Belisário. O paciente foi internado na terça-feira (7), após sofrer um Acidente Vascular Encefálico (AVE), mais conhecido como “derrame cerebral”, vindo a ter morte encefálica. A doação de órgãos é possível quando ocorre a morte encefálica do paciente, onde não há mais possibilidades de recuperação. No curto período em que o organismo ainda se mantém vivo após a morte encefálica, é possível fazer a retirada de alguns órgãos e transplantá-los em outros pacientes.
Para um dos filhos do doador, o gesto servirá para conscientizar outras famílias da importância de se doar vida. Segundo a psicóloga Dra. Célia Freitas Bandeira de Melo, membro da Comissão Intra-Hospitalar Para Doação de Órgãos Específicos Para Transplantes o doador era uma pessoa de vida saudável, o que possibilitou o procedimento. Há vários anos o hospital vem trabalhando com o Programa de Captação de Órgãos, com treinamentos em Juiz de Fora, e agora, surge o primeiro resultado efetivo. “Estamos em permanente contato com a equipe do MG Transplantes e tivemos alguns casos em que a família aceitou o processo de doação, mas o organismo do paciente não resistiu e veio a óbito. Agora, conseguimos, pela primeira vez, confirmar uma doação”.
A equipe do MG Transplantes conseguiu captar os rins e as córneas do doador. Outros órgãos poderiam ser aproveitados, mas isso dependia de uma equipe de Belo Horizonte, que ficou impossibilitada de vir à cidade devido às condições do tempo, que impossibilitaram o vôo de helicóptero.
Os órgãos doados beneficiarão pelo menos quatro pacientes que fazem parte de uma fila única nacional. A Dra. Célia explica que pacientes de Muriaé estão nessa fila única para receber transplante de órgãos, como pacientes da hemodiálise. Contudo, como a fila é única em todo o país, dificilmente um paciente daqui será beneficiado com as doações feitas na cidade, mas as doações contribuem para a fila andar. “O fato de saber que estamos colaborando com esse processo nos traz uma alegria muito grande, saber que estão acontecendo transplantes e que vidas estão sendo salvas”, disse.
O Hospital São Paulo já realizou campanhas para incentivar a doação de órgãos na cidade e a expectativa é que após esse primeiro procedimento, as portas sejam abertas para novas doações, ajudando outras pessoas a recuperarem a alegria e as condições de viver.
Fonte: Interligadonline.com

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Cegonha capota e destrói carros novinhos

Carros novinhos, esmagados e espalhados no acostamento. A cena foi de deixar todos os motoristas tristes ao passarem no km 593 da BR-116, no final da tarde de hoje (14). Uma carreta transportando veículos 0km da Ford tombou próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal em Realeza. Por volta de 16:30, o motorista da carreta do tipo cegonha, placa DPB 7846/São Bernardo do Campo (SP) perdeu o controle e tombou no acostamento da rodovia.
Vários veículos caíram na pista e tiveram grandes estragos.O motorista Luiz Cláudio Silva foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros com ferimentos principalmente na região da cabeça. Ele não corre risco de morte.
Senisi Rocha

sábado, 11 de outubro de 2008

Dia da "democracia", será?

Há poucos dias vivemos o dia em que a "democracia" é supostamente lembrada em nosso país. Eu disse "supostamente", por que, infelizmente ainda temos que conviver com campanhas eleitorais fraudulentas e descumpridoras de todos as leis determinadas pela Justiça Eleitoral. Sem contar com os famosos "votos de cabresto", que ainda perduram nos dias de hoje. Cidades pequenas, onde o povo é refém de políticos, essa prática é comum, seja usando da força física ou bélica, seja usando do dinheiro. Muitos resultados em nossa região estão sendo questionados na Justiça por não condizerem com a vontade popular indicada em pesquisas realizadas anteriomente. Em todo estado de Minas Gerais, a Justiça Eleitoral já deferiu cassações por compra de votos e até mesmo por campanhas irregulares. Temos o exemplo da cidade vizinha de Sericita, em que o candidato Olívio, da coligação PTB / PP / PR / PT, não recebeu nenhum voto, conforme consta na página do TSE- Tribunal Superior Eleitoral. Isso se dá ao fato de que, durante a campanha eleitoral, foram identificadas ações que descumpriam a lei, cassando sua candidatura em primeira instância, o que ao meu entender permanece até hoje. É de se espantar que a lei, às vezes, é colocada com certa rigidez para a população, mas não é cumprida como tal, ficando somente em palavras. Alguns candidatos, sem fazer qualquer pré-julgamento ou acusação, descumprem a lei, descumprem acordos, afrontam as autoridades competentes e não tomam nenhum tipo de punição. Mas, vamos nos ater na compra de votos. Percebemos que essa prática ainda é muito utilizada em nossa região. O povo muitas vezes é ludibriado por misaráveis trocados, mesmo que chegam à alguns reais como R$ 1.000 ou R$ 2 mil, sem ter a certa noção do quanto estão prejudicando a si mesmos. É histórico e de conhecimento de muita gente que o famoso trocado pelo voto, se torna no futuro uma verdadeira dor de cabeça e abandono por parte dos governantes. A população que se sujeita a esse tipo de venda, sem sombras de dúvidas, será prejudicada e, desculpe o termo, "pastará" durante os próximos quatro anos. Tudo isso porque, o compromisso do governante com o cidadão termina no exato momento em que houve o pagamento pelo voto. Conclusão: serão quatro anos sem saúde de qualidade, educação, cultura, apoio ao esporte, obras, enfim sem nenhum compromisso com aquele que depende do serviço público. Mas, como já diz um ditado antigo, "O povo tem o governo que merece". Assim, quando se escolhe errado, se paga caro pela escolha, e talvez, aqueles miseráveis trocados não lhe valerá mais ou até já tenha acabado. E aí? Aí, não adianta chorar o leite derramado. Às autoridades fica um singelo protesto para que verifiquem se em algum momento houve falhas, cada uma em sua competência e cidade. O sentimento de dormir tranquilo vai fazer com que cada responsável pelos órgãos competentes pelo pleito eleitoral, reflitam sobre seu desempenho em toda campanha e também no dia da "democracia". Será que você cumpriu a lei? De carona nesse assunto, em pesquisa pela internet, encontrei alguns assunts pertinentes ao pleito eleitoral. O texto abaixo irá contradizer o que alguns afirmam com veemência a inviolabilidade da urna eletrônica. Willian Chaves

A POSSIBILIDADE DE FRAUDES NAS URNAS ELETRÔNICAS UTILIZADAS NO BRASIL

Eu sei em quem votei. Eles também.

Mas só eles sabem quem recebeu meu voto

As urnas eletrônicas brasileiras possuem falhas de segurança que podem alterar os resultados das eleições. Seu voto pode ser roubado.

Esta afirmação vem sendo sustentada desde 1996 pelo Fórum na Internet denominado Voto Seguro: www.votoseguro.org, organização composta por professores da USP, UNICAMP, UNB e École polytechnique, engenheiros, profissionais de informática, juristas, jornalistas, advogados, brasileiros das mais diversas áreas de atuação, apontando a necessidade de se ter mais confiabilidade e segurança nas urnas eletrônicas brasileiras a fim de garantir a lisura nas eleições.

Deste grupo surgiu o Manifesto de Professores e Cientistas, um ALERTA PARA A INSEGURANÇA DO SISTEMA ELEITORAL INFORMATIZADO, colhendo assinaturas para reivindicar a transparência, a confiabilidade e a segurança nas eleições : http://www.votoseguro.com/alertaprofessores

Em setembro de 2003 o grupo propôs ao TSE a realização de Testes de Penetração nas urnas eletrônicas. Houve recusa com a alegação de que as urnas, por definição, são seguras. Ora, a democracia de uma Nação não pode se basear apenas na palavra da Justiça Eleitoral e, se as Urnas Eletrônicas Atuais fossem realmente seguras, não haveria motivo algum para temer e/ou recusar a realização de tais testes.

Na verdade, os fatos apontam para uma realidade bastante preocupante.

Os fatos: Recentemente, a ONG americana Black Box Voting publicou o relatório do especialista Harri Hursti sobre os Testes de Penetração que realizou nas urnas eletrônicas fabricadas pela empresa Diebold o qual reforça a análise do Fórum do Voto Seguro. Nas palavras do Eng. Amilcar Brunazo Filho, Diretor Técnico da TD Tecnologia Digital Ltda:

"A conclusão básica destes relatórios é que existem falhas de segurança nos projetos e construção das máquinas de votar americana-canadenses da Diebold que permitem que o programa de votação possa ser adulterado para modificar o resultado da apuração dos votos.

Como a empresa Diebold possui quase 90% do mercado brasileiro de urnas eletrônicas, onde, com a marca Diebold-Procomp, produziu 375 mil das 426 mil urnas eletrônicas que serão utilizadas nas eleições presidenciais brasileiras de outubro de 2006, se faz necessário analisar se as falhas de segurança apontadas nos Relatórios Hursti também existem nos modelos de urnas eletrônicas fornecidas ao Brasil."

O jornal baiano A TARDE publicou em 4 de junho de 2006, uma matéria sobre o acontecido nas eleições de 2002 na cidade de Salvador: o desaparecimento de 8.000 (oito mil) cartões de programação de urnas eletrônicas, que colocaram em risco a segurança do pleito na Bahia!! Este montante corresponde a 24% do eleitorado daquele estado e o fato foi totalmente omitido na ocasião.

Nada impede que o mesmo tenha acontecido em outras cidades. Nada impede que venha a se repetir nas eleições de 2006 ou seja, nosso voto pode ser roubado.

Em 11 de junho passado foi a vez do Jornal do Brasil informando que a Polícia Federal investiga possível fraude eleitoral na urna eletrônica no Rio, nas eleições de 2004. Dois políticos - um ex-deputado e um vereador - já foram indiciados por compra de votos, e outro político e um assessor de juiz eleitoral serão indiciados em breve. O processo segue em segredo de justiça.

Há ainda inúmeros casos documentados de fraudes eleitorais decorrentes de fragilidades do sistema, que não cabe detalhar neste documento.

Falhas de segurança encontradas nas urnas eletrônicas:

-O Sistema de inicilização (boot) pode ser modificado por software;

-Possibilidade de se modificar os programas internos por meios digitais externos;

-O Sistema Operacional (Windows CE) não possui recursos de segurança aceitáveis;

-Sistema de lacres físicos ineficiente e o gabinete fácil de abrir sem nada destruir;

-Possibilidade de se reconfigurar os recursos de segurança por meio de "jumpers" na placa-mãe;

-Presença de conector interno para cartões de memória "multimedia";

-O Botão externo de "teste de bateria" pode ser explorado em ataques disparados pelo eleitor.

Uma das formas de se fraudar, apresentada por Pedro Rezende, Professor de Ciência da Computação da Universidade de Brasília:

"A forma mais devastadora envolve a inserção de programa que adultera o Boletim de Urna (BU) junto com o correspondente mecanismo para o seu acionamento. Encerrada a votação, esse programa interceptaria a gravação em disquete e a impressão do BU para, por exemplo, antes, desviar uma porcentagem pré-programada dos votos de um candidato a outro.... Tais ações seriam relativamente fáceis de serem codificadas por um programador mediano que conheça o sistema."

Paulo Gustavo Sampaio Andrade, advogado especializado em Direito Constitucional acrescenta:

"Pode-se, por exemplo, fazer inserir nos programas das urnas um comando para que, a cada quatro votos para um candidato, um seja desviado para outro candidato. Pior: este programa de desvio de votos pode ser programado para se auto-destruir às 17 horas do dia da votação, sem deixar vestígios, tornando inócua qualquer verificação posterior nos programas da urna."

Em outras palavras, as urnas podem chegar às zonas eleitorais já com seus programas adulterados de forma a propiciar fraudes, inclusive a nível nacional.

Impossibilidade de auditoria:

1) As urnas são inauditáveis porque não existe a impressão paralela do voto. As ONGs nos EUA e na Europa estão trabalhando no sentido de dar maior segurança às urnas eletrônicas e fazer valer a democracia. Nos EUA, 50% dos estados já estão com a legislação que exige a impressão do voto nas urnas eletrônicas. E na maioria dos países democráticos existem movimentos como o do Voto Seguro para forçar a materialização do voto.

O voto impresso não resolve 100% o problema de segurança e confiabilidade das urnas eletrônicas atuais, mas constitui um avanço significativo na conquista da lisura nas eleições. Em caso de necessidade, pode-se fazer uma recontagem parcial ou total dos votos.

E possui uma implementação bastante simples, ou seja, todas as urnas brasileiras possuem uma impressora embutida para a impressão da rotina de abertura, denominada "zerésima" e do Boletim de Urna. As desculpas do TSE são de que "a impressora dá problema" e por isso não se pode imprimir o voto. E é a mesma impressora que imprime a Zerézima e os BUs, sem problema algum.

A idéia não é imprimir o voto para levar para a casa porque isto estaria contribuindo para a volta do voto de cabresto ou a compra de votos. Os votos impressos seriam colhidos automaticamente em urnas lacradas e, após o término da eleição, algumas seriam escolhidas por sorteio para fazer a contagem manual. Ou seja, seria muito mais difícil fraudar os dois sistemas - manual e eletrônico - simultaneamente.

2) A regulamentação das eleições deste ano retirou dos partidos políticos o direito de obterem cópias individuais dos BU impressos, o que inviabiliza a conferência de totalização dos votos. Segundo Amilcar Brunazo Filho, "Sem o BU impresso os partidos não terão como conferir a totalização dos votos e, um ataque (de fraudadores) neste campo é mais abrangente, sendo o que eu chamaria de "a mãe de todas as fraudes", pois poderia reverter até resultados fraudados na urnas-e pelo outro lado."

Além disso, é desejável que os BUs aceitos pelo sistema eletrônico de totalização sejam publicados na Internet na medida em que possibilitaria a comparação e auditoria entre eles e os BUs emitidos pelas urnas eletrônicas.

Próximas ações: O Voto Seguro entrará, em breve, com um novo pedido de dissecação e/ou penetração no sistema de segurança das Urnas Eletrônicas brasileiras e precisa do nosso apoio para "engrossar" ainda mais a sua lista de adesões.

Muitas pessoas já aderiram ao manifesto na PE Voto Seguro, entre professores, profissionais liberais, juristas, empresários, estudantes. Quanto mais adesões tiverem maior será a pressão junto ao TSE e maior a probabilidade de obterem resultados positivos.

Contamos com a ajuda de todos na adesão e divulgação deste documento. Basta ser brasileiro para poder participar deste manifesto. As adesões podem ser feitas no site: http://www.votoseguro.com/alertaprofessores

POR UMA URNA ELETRÔNICA REALMENTE SEGURA e, POR UM BRASIL MELHOR!!

Nossos sinceros agradecimentos!!

Referências Bibliográficas

Site Voto Seguro - http://www.votoseguro.com/alertaprofessores

Eleições 2006 : Falhas de segurança nas urnas eletrônicas, Amilcar Brunazo Filho - http://observatorio.ultimosegundo.ig.com.br/artigos.asp?cod=382ENO001

Pedro Rezende: É possível violar a urna eletrônica? - http://www.softwarelivre.org/news/3163

New Fears of Security Risks in Electronic Voting Systems - http://www.nytimes.com/2006/05/12/us/12vote.html?ex=1149220800&en=7dbe9cb0518da1d7&ei=5070 (Necessidade de registrar no site; é grátis)

Diebold voting systems critically flawed - http://www.theregister.com/2006/05/14/diebold_e-voting_flaw/

Avaliação do Sistema Informatizado de Eleições - Relatório UNICAMP

http://www.tre-sp.gov.br/urna/rel_final.pdf

Diebold voting machines raise red flags in 3 states - http://www.ohio.com/mld/beaconjournal/business/14561489.htm

A fraude da urna eletrônica - Paulo Gustavo Sampaio Andrade - http://jus2.uol.com.br/doutrina/texto.asp?id=1549

O mistério das urnas eletrônicas - Jornal ATARDE (04-06-2006) - http://www.atarde.com.br/

Em xeque, a segurança da urna eletrônica - Jornal do Brasil (11-06-2006) - http://www.jb.com.br

Nelito, ex-prefeito de Santa Margarida, vai a júri popular por suposto envolvimento em morte de advogado

O juiz criminal de Manhuaçu Dr. Valteir José da Silva determinou que Edmardo Antônio, Wellington Soares Martinez (foto) e o ex-prefeito de Santa Margarida, Manoel Pereira Lima, o Nelito, vão a julgamento pelo Júri Popular em Manhuaçu. Os três são acusados de envolvimento na tentativa de homicídio em 2005 e na morte em 2007 do advogado Bernardo Mendonça Tebet.

O Ministério Público acusa que no dia 21 de novembro de 2005, Wellignton Martinez, com intenção de matar, combinado com Edmardo e Nelito, mediante a promessa de recompensa, atirou várias vezes contra Bernardo, nas proximidades da comunidade de Vila Formosa. O oficial de justiça sobreviveu ao atentado.

No dia 20 de agosto de 2007, por volta de 21 horas, na região da Ponte dos Gamas, km 92 da MG-111, entre Reduto e Manhumirim, Edmardo combinado com o ex-prefeito e Wellington atirou em Bernardo e o matou, montando em seguida um cenário que aparentava um roubo. Além da questão da recompensa, a Justiça Criminal entendeu que o crime de homicídio ocorreu mediante traição e por recurso que dificultou a defesa de Bernardo.

INDÍCIOS

edmardo_2Apesar das mudanças de versão na confissão de Wellington, o juiz explica na sentença que há indícios suficientes no processo de que o rapaz e Edmardo (foto) executaram os crimes a mando de Nelito. Ele argumenta que escutas, quebra de sigilos bancários e telefônicos e depoimentos de testemunhas reforçam essa questão.

Wellington mudou sua versão em depoimento em juízo. Ele manteve a participação de Edmardo e excluiu Nelito. Contudo, o juiz explica que há provas de que Bernardo Mendonça participava de um esquema fraudulento de empresas laranjas de comercialização de café com o objetivo de sonegar impostos. “Bernardo cedia seu nome para a abertura de empresas recebendo em troca porcentagens referentes à comercialização de café realizadas e que o verdadeiro proprietário (…) era Nelito, que lucrava com o esquema fraudulento”, descreveu.

100 MIL REAIS

Em 1º de setembro de 2005, Manoel Pereira Lima confessou, mediante escritura pública, lavrada no cartório de Santa Margarida, uma dívida de 100 mil reais para com Bernardo. O pagamento foi parcelado em quatro vezes: 16 mil à vista; 30 mil em 31 de julho de 2006; mais trinta mil em 2007 e a última parcela de 24 mil em julho de 2008. Como garantia foi dada a hipoteca de uma propriedade rural. Foram pagas duas parcelas, totalizando 46 mil reais.

“Dessume-se que tal fato, a princípio, foi a causa motivadora do envolvimento do acusado Manoel Pereira Lima, com a morte de Bernardo, visto que concordou em confessar a dívida em favor da vítima, mediante escritura pública, sem dizer os motivos e a origem de tal dívida, sento portanto, indício suficiente de sua participação nas empreitadas criminosas”, concluiu o magistrado.

Sobre a postura da defesa de Edmardo e de Nelito negando a autoria dos cirmes, o juiz entendeu que não conseguiram corroborar as versões apresentadas sobre os fatos narrados na denúncia do Ministério Público. “Os acusados poderão renovar a apresentação de suasnelito versões perante o Júri Popular, e, ali, com mais provas, justificar as suas condutas”, argumentou.

Além de pronunciá-los para julgamento pelo Tribunal do Júri, o juiz manteve Edmardo e Wellington presos até o júri, enquanto Nelito (foto) deve permanecer em liberdade, já que atendeu a todos os chamamentos da Justiça para depor.

Os advogados dos três podem recorrer da sentença de pronúncia no Tribunal de Justiça, em Belo Horizonte.

Carlos Henrique Cruz

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Pesquisas apontam vitórias de Sérgio Breder em Manhuaçu e Marinalva em Simonésia

Persquisas mostram que Sérgio Breder venceria as eleições em Manhuçu com mais de 60% dos votos. Em Simonésia, a candidata da oposição Marinalva Ferreira tem a preferência de 49% dos entrevistados. Caso confirme os dados das pesquisas no próxima domingo, Marinalva será a primeira mulher a comandar a prefeitura de Simonésia.

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Justiça determina que taxistas parem de fazer transporte coletivo

A 11ª Câmara Cível do TJ-MG (Tribunal de Justiça de Minas Gerais) determinou que 19 taxistas parem de fazer o transporte coletivo de passageiros entre os municípios da Zona da Mata, sob pena de multa de R$ 1.500. De acordo com o entendimento do tribunal, eles faziam o serviço ilegalmente, prejudicando a exclusividade de uma companhia de ônibus.
Segundo o tribunal, a Viação Novo Horizonte, concessionária do serviço de transporte coletivo de passageiros entre os municípios de Miradouro, Carangola e Muriaé, propôs ação contra 19 taxistas. A empresa alegou que eles, apesar de terem licença apenas para realizar transporte individual de passageiros e dentro do município de Miradouro, exploram transporte coletivo alternativo.
Segundo a empresa, os taxistas atuam em concorrência direta e desleal, realizando transporte coletivo por táxi e por veículos particulares, com horários e pontos definidos. De acordo com a viação, os taxistas costumavam ir à rodoviária e aos pontos de ônibus da empresa dez minutos antes dos horários de partida para pegar os passageiros da empresa.
Em primeira instância, o juiz Antonio Augusto Pavel Toledo, da comarca de Miradouro, determinou que os taxistas deixassem de realizar o transporte, aplicando multa de R$ 1.500 em caso de descumprimento. O juiz oficiou ainda ao DER-MG, à Polícia Militar e à Polícia Rodoviária Federal, requisitando auxílio na fiscalização e no cumprimento da decisão.
Os taxistas apelaram ao Tribunal de Justiça de Minas, sustentando que o transporte não é ilegal e que pretendem apenas exercer a atividade da qual tiram o sustento próprio e de suas famílias.
O relator do recurso, desembargador Duarte de Paula, concluiu que há provas seguras de que os taxistas realizam o transporte ilegal de passageiros entre os municípios de Miradouro/Carangola/Muriaé. De acordo com ele, “o direito ao exercício de todo e qualquer serviço de transporte está condicionado à sua licitude e ao fato de não contrariar o direito de outrem de exercer com exclusividade essa mesma ocupação, dentro dos mesmos limites territoriais”.
Para o desembargador, portanto, “deve-se coibir a prática clandestina de transporte coletivo, impedindo o livre acesso dos particulares ao exercício da atividade qualificada como serviço público sem que estejam previamente autorizados pelo Poder Público”.
Assessoria de Imprensa Tribunal de Justiça